quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

Arronches - Música nas Igrejas 2014 com Concertos de Órgão


A Direção Regional de Cultura do Alentejo, o Cabido da Sé de Évora e a Paróquia de S. Pedro (Évora), organizam a 3.ª edição do evento Música nas Igrejas - Concertos de Órgão, que tem início no mês de outubro, no âmbito das comemorações do Mês da Música.

​A iniciativa irá decorrer entre os meses de outubro e dezembro de 2014, contemplando o total de 12 concertos, nas três catedrais e diversas igrejas da região Alentejo.

Em Arronches os concertos que têm o apoio da Paróquia local e Autarquia arronchense  estão agendados para a Igreja Matriz, a terem lugar pelas 16h30, nos dias  26 de outubro e 14 de dezembro.

Consulte o programa completo:

Arronches - “Isto só visto!” esgotou bilhetes em duas horas


“Isto só visto!”, é o título da revista à portuguesa que se apresenta no palco do Centro Cultural de Arronches   no próximo dia  25 de outubro pelas 21h30, um espectáculo que em cerca de duas horas esgotou os ingressos disponibilizados na manhã do passado dia 20.

Com um elenco de caras bem conhecidas do teatro e da televisão – Luís Aleluia, João Rodrigo, Fátima Couto, Susana Cacela e Piedade Fernandes – “Isto só visto!” é «um protesto popular pela alegria e boa disposição», onde a crítica mordaz aparece de mão dada com o humor e com a música.

A organização deste espectáculo é da Cartaz - Produção de Espectáculos, Lda, com o apoio da Câmara Municipal de Arronches.

Arronches – Nova colheita de sangue


No começo de outubro, a Associação de Dadores Benévolos de Sangue de Portalegre - ADBSP, levou a efeito uma brigada, desta feita em Arronches.

41 Pessoas, entre elas 18 mulheres (43,9%), cumpriram o apelo lançado à população em geral. Mas os exames de saúde aconselharam que quatro pessoas não pudessem dar, pelo que foram armazenadas 37 unidades de sangue.

Duas jovens do sexo feminino foram dadoras pela primeira vez.
A Câmara Municipal de Arronches apoiou a realização do almoço convívio, servido num restaurante local.

Tratou-se de mais uma colheita que transcorreu dentro do que era espectável, segundo António Eustáquio. Aliás o Presidente da ADBSP refere que as duas novas estreantes merecem uma palavra especial, pois avançaram com receios infundados. Mas, finda a intervenção, constataram que dar sangue é simpático, indolor e … asseguram que vão voltar! E quando assim é: está tudo dito!

Outras colheitas já agendadas:
A ADBSP vai levar a efeito, proximamente, colheitas a 25 de Outubro, na sede do Grupo Desportivo Cultural Social de Vale de Cavalos (Alegrete); 01 de Novembro no Centro de Saúde de Montargil (Ponte de Sor) e 08 de Novembro nos Bombeiros do Crato.

As brigadas são em sábados das 09h00 h às 13h00 horas e, certamente, que o/a queremos ver!
JR


terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Arronches – Workshop primeiros socorros e desmistificação dos remédios caseiros


O próximo workshop da FormApelativa, visa os Primeiros socorros, (acidentes domésticos e desmistificação dos remédios caseiros, dinamizado pela enfermeira Liliana Matos.

O mesmo vai acontecer dia 1 de Novembro pelas 15h00, no Centro Cultural de Arronches. Inscrições limitadas.

Organiza: FormApelativa, com o apoio da Câmara Municipal de Arronches 

Extremadura - A DGT iniciou ação de vigilância em estradas secundárias

"En doble sentido, doble riesgo", com este lema a Dirección General de Tráfico (DGT), iniciou na passada segunda-feira uma acção de vigilância em estradas secundárias espanholas, onde o risco de sofrer um acidente mortal se multiplica por dois.  

Só no ano passado 940 morreram em acidentes de trânsito em estradas secundárias e 4.099 sofreram ferimentos graves, incluídos alguns portugueses em áreas fronteiriças como vem acontecendo na zona de La Codesera e Badajoz com registo de diversos acidentes mortais.

Para inverter esta situação as autoridades com esta campanha de sensibilização e vigilância, que se vai prolongar até ao próximo domingo, vai proceder ao controle de álcool, drogas, velocidade ou uso de telemóvel ao volante.   

A DGT, recorda que o excesso de confiança também mata, dados os acidentes mortais acontecerem em estradas secundárias, pelo que não se deve perder o respeito a estas vias, onde o número de vítimas mortais triplica o das vias urbanas. 

domingo, 19 de Outubro de 2014

Futebol - Mosteirense cede frente ao líder Crato por 3 bolas a zero

O Mosteirense que esta tarde de domingo recebeu em casa o Crato, acabou por perder por três bolas a zero, em jogo a contar para a quarta jornada da primeira fase, do campeonato de seniores da Associação de Futebol de Portalegre.

O Crato que lidera campeonato com 12 pontos, veio encontrar um Mosteirense que nesta época ainda não conseguiu encontrar o seu melhor futebol, e desde cedo estabeleceu a vantagem no marcador, com um golo de Rixa, ao minuto 24, para na segunda parte voltar a marcar ao minuto 23 através de João Farto.

O Mosteirense que não conseguiu recuperar da desvantagem acabaria por aos 82 minutos, ver Filipe Branco, "capitão" do Mosteirense, levar o cartão vermelho, reduzindo o conjunto da casa a dez jogadores e falha a próxima partida, em Portalegre, com o Estrela.

Já em cima do final de jogo, Rui Martins ampliou a vitória da equipa do Crato, fazendo o 0-3, aos 90 minutos.

Resultados da quarta jornada:
Monfortense 2 – Estrela de Portalegre 3
Sousel  0 – Fronteirense 7
Montargilense 1 – Terrugem  0
Mosteirense 0 – Crato  3
Gafetense  0 – Gavionenses  0

Tabela classificativa:
1º Crato 12 pontos;
2º Estrela de Portalegre 10
3ºs Gavionenses e Montargilense 8
5ºs Monfortense, Gafetense, Fronteirense e Mosteirense 4
9º Terrugem 1
10º Sousel zero pontos.







sábado, 18 de Outubro de 2014

Alentejo - Soldados portugueses mortos homenageados no centenário da 1ª Grande Guerra


A Evocação do Centenário da I Guerra Mundial realizou-se esta manhã com diferentes Cerimónias de Homenagem Nacional aos Mortos da Grande Guerra, que decorreu um pouco por todo o país, incluindo nas principais cidades Alentejanas.

Em Portalegre O centenário da primeira Grande Guerra foi, numa cerimónia que decorreu junto ao monumento que presta homenagem a todos os que perderam a vida a lutar pela pátria.

Em Évora os militares estiveram junto ao monumento aos combatentes no Rossio de S. Brás, homenageando todos os que tombaram nesta guerra, no ano em que passam 100 anos do início do conflito.

Em Beja a homenagem aconteceu junto ao monumento evocativo dos Combatentes da Grande Guerra, no Regimento de Infantaria nº3, em Beja.

No âmbito destas comemorações, o Presidente da República, Cavaco Silva, defendeu hoje em Lisboa,  junto ao  monumento evocativo existente, na avenida da Liberdade, que a participação na I Guerra Mundial deixou uma "dura lição" da incapacidade em assumir esse compromisso num período de "profunda crise política e económica" que tinha feito descurar a "capacidade militar".

"O início do conflito ocorreu num período de forte instabilidade em Portugal, com uma profunda crise política e económica que levara a descurar, de forma comprometedora, a capacidade militar do país", afirmou Cavaco Silva.

"Ficou a dura lição da incapacidade do país para assumir tão exigente compromisso, de que resultou a impreparação e o abandono dos nossos militares, com trágicas consequências e custos humanos elevados", defendeu.
Nota: Foto de soldado arronchense que participou neste conflito em terras francesas, regressou vivo da guerra mas com diversas sequelas psicológicas e físicas.